Centro de Fronteiras – Brasil/Paraguai

Aduana da nova ponte Brasil / Paraguai.

O projeto teve como premissa a concepção de uma cobertura que fosse modulada, pois seria adotada como padrão para as futuras aduanas.

Para o partido do prédio central, optou-se por uma arquitetura simples que não entrasse em conflito com a forma da cobertura.

A cor do centro foi outro fator relevante, onde buscou-se no projeto dar destaque à cor do DNIT, o azul.

O programa atende todas as necessidades solicitadas pelos órgãos governamentais.