Impressora 3D gigante consegue construir uma casa inteira em 20 Horas

Countour Crafting

Impressão 3D de Casas de Concreto

Impressoras 3D podem fazer aviões, suas partes, comida e muito mais — por que não construções inteiras? Um professor na Universidade do Sul da Califórnia (USC) pretende imprimir casas inteiras, com camadas de concreto e inserindo encanamento, fiação elétrica, utilitários e mesmo dispositivos de lazer e conforto como sistemas audiovisuais e condicionamento de ar na medida em que as camadas da parede são construídas.

O professor Behrokh Khoshnevis da USC criou um método de fabricação em camadas chamado de “Contour Crafting” (Construção por Contornos em Português), que ele diz que pode ser usado para construir uma única casa ou um grupo de casas utilizando concreto ou adobe. Khoshnevis, que esteve desenvolvendo esse sistema há vários anos, organizou uma apresentação sobre ele numa conferencia TEDx (acrônimo para Technology, Entertainment, DesignTecnologia, Entretenimento, Projeto ou Desenho em português) recente.

Ele utilizaria um guindaste mais alto que a casa que você quer construir. O concreto é derramado e assentado camada por camada, como uma impressão 3D típica iria moldar plástico. Utilizando uma configuração de construção rápida e materiais que agem como concreto, a construção por contornos constrói as paredes da residência camada por camada até que a estrutura seja coberta por tetos ou novos andares adicionados pelo guindaste.

Esse sistema seria ideal para: lares de emergência, estruturas comerciais ou de baixa renda, mas também poderia ser usado para customizar casas de luxo. Poderia até ser utilizado para construções na Lua ou Marte. “A tecnologia da Contour Crafting tem o potencial para construir estruturas, habitats, laboratórios, e outras instalações seguras, confiáveis e acessíveis, antes mesmo da chegada de seres humanos,” diz o seu website.

Na Terra, o sistema automatizado poderia prevenir atrasos, acidentes e vários outros problemas relacionados ao trabalho braçal.

(Artigo traduzido e adaptado de http://www.popsci.com )